100 Limites

100 Limites

O ANTÓNIO PADEIRO DE ALCOBAÇA!

Nem sei por onde começar, Alcobaça é uma cidade que já tinha visitado, para ir ao seu Mosteiro. Muitos já por lá passaram e se não passaram já ouviram falar, mas Alcobaça tem outra preciosidade histórica!!

ANTÒNIO PADEIRO, é um restaurante que fica a cerca de 300 metros do Mosteiro de Santa Maria de Alcobaça, numa ruela meio escondida, e é simplesmente MARAVILHOSO!! Soube da sua existência através de um dos meus melhores amigos, o Marcos, que tinha lá estado há umas semanas e me enviou várias fotos onde dizia: “Mana é a tua cara!! Parece a tua casa!!”. Eu só de ver as fotos fiquei de queixo caído! Já me tinha apaixonado antes de conhecer o espaço ou de ter provado alguma iguaria!!

Aproveitei para passar novamente no mosteiro e fazer umas fotos, ando cada vez mais apaixonada por fotografia, e passo todo o tempo possível agarrada à maquina.

Fui recebida por um senhora muito simpática, com ar de chefe de sala, que rapidamente apesar do restaurante estar cheio e com pessoas à espera me concedeu uma mesa, como fui sozinha foi-me mais fácil obter lugar. Disse-lhe que parecia ainda mais giro do que imaginava e convidou-me a ir à sala de baixo (cave) e que poderia fotografar à vontade, assim o fiz, e amei fotografar cada centímetro do espaço. Cheio de personalidade, num vintage maravilhoso, com imensa cangalhada antiga como eu gosto. Tudo se encaixava. Eu poderia viver aqui!! A decoração da minha casa tem um estilo vintage com algumas coisas modernas mas é muito isto!! Um dia mostro alguns cantinhos!

Chegaram as entradas (pena que não fotografei tudo) mas vêm num tabuleiro com imensa escolha, desde queijos e doces, enchidos, cogumelos e linguiça, ovos com farinheira (provavelmente os melhores que comi até hoje!!), tanta coisa, e tudo tão bem explicado que quase pedi para ficar o tabuleiro todo!

Entradas: Cogumelos e Linguiça, Ovos com Farinheira

Depois reconsiderei e fiquei-me pelos cogumelos com linguiça e os ovos com farinheira! Pedi que me aconselhasse e sugeriu-me o Bife à Padeiro, que estava muito bom, acompanhado com umas batatas fritas que amei !! Não comi tudo, tinha que me guardar para a sobremesa, as quais vêm também à mesa apresentadas em tabuleiro e são imensas, desde as tradicionais às conventuais, e uma em especial: O Paraíso – um doce conventual da casa que já ganhou alguns prémios. É doce, bem doce, mas eu amo doces… fiquei rendida, e sempre que for a Alcobaça lá terá que ser… terei que ir ao António Padeiro comer O Paraíso!!

Bife à Padeiro
O Paraíso

No final do almoço comecei na conversseta com a tal chefe de sala, Ana Branco (descobri o nome após pesquisa ahahah) mas que afinal é uma das proprietárias, juntamente com a sua mãe, Dona Júlia. O restaurante está na família há três gerações (desde 1938) era do seu avô António, e continuaram o negócio com muito amor envolvido.

Sobremesas

Fiquei super contente por saber, eu gosto de coisas com história, e fiquei completamente rendida a este espaço! Convido-vos a fazerem paragem obrigatória no António Padeiro se passarem por Alcobaça, garanto que não vão querer de lá sair!!

WC Feminino
Entrada WC

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Deixo um especial agradecimento ao meu manecas Marcos por ter partilhado este restaurante comigo!! Fiquei mega contente!! Thank U!!

António Padeiro, esta vida dava um filme.

Publicado por Restaurante Antonio Padeiro – Alcobaça em Domingo, 10 de Janeiro de 2016

 

Morada:

Rua Dom Maur Cocheril, nº27 – Alcobaça (Portugal)

Facebook: @restauranteantoniopadeiro.alcobaca

Contacto: +351 262 582 295

 

 

_________________________________________

I do not even know where to start, Alcobaça is a city I had visited to go to your Monastery. Many have already passed by and if they have not already heard, Alcobaça has another historical gem !!
ANTÒNIO PADEIRO, is a restaurant that is located about 300 meters from the Monastery of Santa Maria de Alcobaça, in a half-hidden alley, and is simply WONDERFUL !! I learned of his existence through one of my best friends, Marcos, who had been there a few weeks ago and sent me several photos where he said: “Mana is your face !! Looks like your house !! “. I just to see the photos I got jaw dropped! I had fallen in love before knowing the space or having tasted some delicacy !!
I took the opportunity to go back to the monastery and take some photos, I am more and more passionate about photography, and I spend as much time as possible holding the machine.
I was greeted by a very friendly lady, with the air of room chief, who quickly despite the restaurant being full and with people waiting granted me a table, as I was alone it was easier for me to get place. I told him that it seemed even more flirtatious than I imagined and invited me to the lower room (basement) and that I could photograph at will, so I did, and I loved to photograph every inch of space. Full of personality, in a marvelous vintage, with huge old cangalhada as I like. Everything fit. I could live here !! The decor of my house has a vintage style with some modern things but that’s it !! One day I show you some little spots!

The entrees arrived (shame I did not take it all) but they come on a board with a lot of choice, from cheeses and pastries, sausages, mushrooms and sausage, eggs with farinheira (probably the best I’ve eaten so far !!), so much, well explained that I almost asked to stay the entire board!

Then I reconsidered and stayed for the mushrooms with sausage and the eggs with farinheira! I asked him to advise me and he suggested the Bife à Badeiro, which was very good, accompanied with some French fries that I loved !! I did not eat everything, I had to save myself for dessert, which also come to the table presented on a board and are immense, from the traditional to the conventual, and one in particular: The Paradise – a sweet convent of the house that has already won some prizes. It’s sweet, sweet, but I love sweets … I’ve been exhausted, and whenever I go to Alcobaça there will have to be … I’ll have to go to Antonio Baker to eat The Paradise !!

At the end of the lunch I started the conversation with the head of the room, Ana Branco (I discovered the name after ahahah research), but after all she is one of the owners along with her mother, Dona Júlia. The restaurant is in the family for three generations (since 1938) it was his grandfather Antonio, and continued the business with much love involved.
I was super glad to know, I like things with history, and I was completely surrendered to this space! I invite you to make a mandatory stop at António Padeiro if you pass through Alcobaça, I guarantee you will not want to leave there !!

I leave a special thanks to my manecas Marcos for sharing this restaurant with me !! I was very happy !! Thank U !!

Read More
1 2 4
Page 1 of 4